Universidade Potiguar Doa mais de 10.000 Livros para Bibliotecas Prisionais

A faculdade de direito da Universidade Potiguar (UnP), instituição de rede Laureate no Brasil, doou mais de 10.000 livros por meio da Ordem dos Advogados do Brasil, para serem utilizados pelo Projeto New Way, uma organização que cria bibliotecas em prisões estaduais. Com a doação, estima-se que outros sete centros de leitura serão criados em demais unidades prisionais no Rio Grande do Norte.

“A Universidade é um organismo vivo e, por isso, temos a oportunidade de trabalhar com a sociedade por meio de iniciativas como esta, retribuindo um pouco com o nosso compromisso social”, disse o Reitor da UnP, Professor Gedson Nunes, na cerimônia de entrega. O diretor da Faculdade de Direito, Fernando Cabral, também enfatizou a importância da iniciativa. “Estamos muito felizes. Não há dúvida de que essa doação fará uma grande contribuição, especialmente na humanização dos processos de ressocialização para os presos. A UnP organiza várias outras ações sociais. Este é mais um passo. Pode haver muitos mais”, afirmou.

A ideia por trás da doação é desenvolver bibliotecas prisionais que atendam a todos. A iniciativa ajudará a cumprir com a Lei Estadual nº 10182, que reduz as penas com base na leitura e entrou em vigor em fevereiro de 2017. Pela nova legislação, presos podem ter quatro dias subtraídos de suas penas para cada livro lido.